Obra de pontes do Rodoanel com placas em concreto armado é agilizada

Trecho norte da rodovia conta com mais de 51 mil peças adquiridas da M3SP para executar acessos que interligam as vias sobre os rios das represas

M3SP_obras-de-ponte-rodoanelA construção do Rodoanel Mário Covas é considerada a maior obra viária do país. São 177 km de extensão que interligam as principais rodovias que chegam à região metropolitana de São Paulo. Como resultado, 39 municípios e 19 milhões de pessoas são beneficiados.

O trecho norte, ainda em execução, é um dos braços dessa obra. Ele tem 44 km de extensão e toma as cidades de São Paulo, Guarulhos e Arujá. Trata-se de um traçado mais curto e de menor impacto ambiental. Ele recebera grande quantidade de veículos, aliviando o tráfego na malha viária urbana – Marginal e adjacentes. Compreende, ainda, sete túneis – 6,6 km por sentido.

Sua construção envolve equipamentos de contenção contra derramamento de carga tóxica, passagens de sauna e barreiras acústicas. Também possui um conceito ecológico, à medida que visa plantar mais de 850 mudas de árvores.

Desafio

Ao margear as encostas ao sul do Parque Estadual da Cantareira, esse trecho da rodovia pedia a execução de pontes que interligassem o acesso das vias sobre os rios das represas daquela região. Sua viabilização, no entanto, estava condicionada a um processo construtivo diferenciado, que facilitasse e agilizasse a obra.

Outra necessidade refere-se ao grande volume de materiais e sistemas envolvidos na etapa, exigindo uma empresa que se destacasse pelo grande nível de produtividade e entrega dentro dos prazos estipulados pelo projeto.

Solução

Ficou sob responsabilidade da M3SP o fornecimento do sistema construtivo adequado para essa etapa da obra. A empresa produziu as placas em concreto armado para compor a base das pontes, atendendo ao projeto estrutural fornecido pela DERSA – responsável pela obra. Os painéis, em forma de tabuleiro, funcionam como a própria pista para a passagem dos veículos. Destacam-se pela alta resistência e simples instalação sobre as vigas.

Outro grande diferencial é o fato de serem entregues prontos para montagem na obra, o que otimiza significativamente o cronograma da construção. Atuam como pré-laje do tabuleiro da ponte. Sobre as placas é adicionada armadura complementar e, depois, ocorre a concretagem.

No total, são mais de 51 mil peças adquiridas para as pontes que compreendem o trecho norte da rodovia, incluindo também os guarda-corpos, peças prontas para serem chumbadas na estrutura da ponte.

O que também pesou pela escolha dos produtos foram o know-how e a qualidade técnica da M3SP, composta por profissionais especializados no segmento. Seu moderno complexo fabril permitiu a confecção das peças em alta escala, atendendo os prazos de entrega da obra.

DESCRIÇÃO DO PRODUTO

As placas em concreto armado produzidas pela M3SP para a obra do Rodoanel têm dimensões de 50 cm de largura por 7 cm de espessura e comprimentos variados (em torno de 2 m).

Os painéis possuem aço positivo de tração totalmente incorporado nas peças e, também, armações treliçadas para estabilizar a peça durante o transporte, além de alças para içamento mecanizado.

Esse aço positivo possui dimensões maiores que os painéis para que tenham pontas de ancoragem para solidarizar com a estrutura dos pilares da ponte.

Descrição da Obra

Local da obra: São Paulo (SP)
Data: Início: 2014
Proprietário: Construcap
Contratante: Construcap
Fornecedor: M3SP
Nome do produto: Placas de concreto armado

Fonte: ACE web

Adicionar aos favoritos o permalink.

Os comentários estão encerrados.